AgroPolítica

Emater-MG e Banco Nordeste firmam acordo de cooperação técnica para atendimento de crédito rural

Objetivo é orientar agricultores familiares de até 1,7 mil contratos da linha Pronaf Agro Amigo

A Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG) vai prestar assistência técnica a agricultores familiares de 168 municípios do Semiárido mineiro (Norte, Vale do Jequitinhonha e Mucuri), atendidos pela linha de crédito Agro Amigo, do Pronaf. Uma cooperação técnica entre a Emater-MG e o Banco Nordeste foi firmada na segunda-feira (13/5), na sede da empresa, em Belo Horizonte.

Pelo acordo, a Emater-MG deverá atender inicialmente, pequenos produtores que contraíram, no total, 1,7 mil contratos de créditos, em 2018, num total de R$ 13 milhões. Mas a empresa tem potencial de novos negócios para prestar orientação técnica, que podem chegar aos R$ 50 milhões da carteira do banco, destinada ao estado.

O diretor-presidente da Emater-MG, Gustavo Laterza, comemorou a cooperação com a instituição financeira, lembrando que, desde a sua criação, ainda com o nome de Associação de Crédito e Assistência Rural (Acar), a Emater-MG atende produtores rurais que precisam desse tipo de incentivo. “ A Emater nasceu do crédito rural, buscando parcerias com agentes financeiros. Defendemos então que, com financiamentos e projetos rurais consistentes e bem orientados, podemos potencializar o trabalho da ação extensionista no campo, promovendo a melhoria de renda da família rural”, argumentou.

Para o dirigente da Emater-MG, produtores contemplados com a política pública do crédito rural também ajudam a movimentar a economia local dos municípios. Isso, segundo Laterza, aconteceria por meio de recursos dos projetos que seriam injetados no comércio e em outros segmentos do mercado, na região.

Presente na assinatura do acordo de cooperação técnica entre a Emater-MG e o Banco Nordeste, o superintendente regional da instituição financeira, José Nilton Castro Martins, destacou o acordado, lembrando que as regiões Norte, Vale do Jequitinhonha e Mucuri representam 35% do território mineiro, o que ressalta a importância de se trabalhar com a colaboração da Emater-MG. “Esse território mineiro corresponde de três a quatro estados juntos do Nordeste. Por isso a participação da Emater, com seus escritórios, suas equipes qualificadas, nos dá a capacidade de chegar a todos os 168 municípios para atender aos micros e pequenos produtores” explicou.

O superintendente do Banco Nordeste aposta no crescimento da oferta de crédito rural no estado; na queda de inadimplência nesta linha de crédito e no sucesso dos projetos que serão assistidos pela Emater-MG. “Com esse acordo acredito que vamos estimular mais o crédito nesses municípios e, como ele será assistido e orientado pela Emater, vamos evitar desvios, incompetência de produção e inadimplência, pois as pessoas terão mais capacidade de cumprir seus compromissos com o crédito”, argumentou.

MelhorAção e Criatividade Rural

Durante a solenidade de assinatura da cooperação entre as duas instituições, o diretor-presidente da Emater-MG, Gustavo Laterza, aproveitou para solicitar o apoio do banco a dois projetos, executados anualmente pela empresa. São eles: o MelhorAção, que destaca os melhores trabalhos implantados nas unidades da empresa, e o Criatividade Rural, que premia inovações tecnológicas, criadas por produtores e que geram impactos positivos nas atividades rurais.

 

FONTE: ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO – EMATER-MG

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar