AgroTecnologia

Pesquisadores vão usar drones para detecção e contagem de gado

Pesquisa coordenada pela Embrapa para detecção e contagem de gado usando veículos aéreos não tripulados, conhecidos como vants ou drones, acaba de ser aprovada para financiamento pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp)

O projeto colaborativo é liderado pelo pesquisador Jayme Garcia Arnal Barbedo, da Embrapa Informática Agropecuária (SP), e foi aprovado na terceira chamada de propostas do Programa Fapesp de Pesquisa em eScience e Data Science.

A atividade de monitorar a população de gado é essencial na gestão das fazendas pecuárias. Entretanto, nas grandes propriedades que adotam a pecuária extensiva, muito comuns no Brasil, essa contagem requer tecnologia e métodos avançados. No caso das imagens de satélites, além de não apresentar resolução espacial suficiente para identificar os animais individualmente, a presença de nuvens também compromete o monitoramento.

“Os levantamentos aéreos aparecem como uma solução potencial”, explica Barbedo. Já existem algumas iniciativas sendo aplicadas em fazendas, mas ainda com várias desvantagens, como alto custo de operação, níveis de ruído elevados e risco de acidentes. Por isso, os pesquisadores querem empregar técnicas de processamento de imagens e aprendizado de máquina, aliadas ao desenvolvimento de softwares e uso de drones, buscando gerar soluções mais adequadas para o monitoramento dos animais no pasto.

Coordenada pela Embrapa Informática Agropecuária, a pesquisa tem participação da Embrapa Pecuária Sudeste (SP), da Faculdade de Engenharia Elétrica e de Computação da Universidade Estadual de Campinas (FEEC/Unicamp) e das Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU). O projeto tem vigência de dois anos, com início em fevereiro de 2019, e recebeu recursos de cerca de R$ 175 mil que serão investidos, principalmente, na aquisição de drones e equipamentos para processamento de imagens.

Testes com câmeras 360 graus

Entre os objetivos estão o desenvolvimento de uma metodologia para agrimensura pecuária usando drones equipados com câmeras de espectro visível e a criação de um algoritmo para reconhecer e contar automaticamente o gado nas imagens capturadas. Serão investigadas duas abordagens distintas: a primeira é com o uso de uma câmera convencional e a outra com uma câmera 360 graus.

A principal diferença entre as duas metodologias é que a primeira geralmente requer múltiplos voos para cobrir grandes áreas, enquanto a segunda pode ser capaz de visualizar regiões muito maiores com um único voo, embora perdendo resolução, já que os animais estão mais distantes da câmera, de acordo com o pesquisador.

Em breve, drones estimarão saúde e peso do rebanho

O projeto busca avançar na área de ciência da computação, produzindo novos algoritmos baseados em imagens para detecção de animais e para seu manejo, com abordagem inovadora para contagem de gado. “Essa metodologia também pode ser usada no futuro para trabalhar outros aspectos do monitoramento de gado como saúde animal, medidas corporais, entre outros”, conta Barbedo.

Caberá à Embrapa Informática Agropecuária, principalmente, coletar as imagens no campo e processá-las, criando e aplicando, em conjunto com a FEEC/Unicamp, algoritmos baseados em princípios de aprendizado de máquina para detecção e contagem dos animais. Os testes de campo serão feitos com o apoio de especialistas em manejo animal na fazenda Canchim, da Embrapa Pecuária Sudeste. A pesquisadora Andrea Roberto Bueno Ribeiro, da FMU, também vai apoiar os trabalhos de manejo e estudos de comportamento animal relacionados às simulações de movimentação do gado no pasto.

Contagem do gado sem precisar reunir os animais

Conhecer o número de animais é essencial para o pecuarista fazer a gestão adequada da fazenda, contribuindo para o controle interno e a quantificação dos resultados.

Na pecuária as variações no rebanho são constantes: nascimento de animais, mortes, vendas, e até roubos. Tudo isso se reflete na hora do planejamento e na rentabilidade da atividade.

Para a contagem, o pecuarista precisa reunir os animais no pasto ou levá-los até o curral. Esse processo é complexo e exige um grande esforço. As dificuldades aumentam proporcionalmente ao tamanho da fazenda e do rebanho.

O deslocamento do gado sempre é estressante e pode afetar a produtividade. No percurso, há chances de acidentes. Além disso, o bovino passa mais tempo caminhando e deixa de se alimentar, ruminar e descansar, causando prejuízos econômicos ao produtor. O estresse reduz o ganho de peso e afeta a imunidade, deixando-o mais vulnerável a doenças.

“A ideia do projeto é tentar fazer essa contagem sem reunir os animais, reduzindo o estresse. No entanto, há algumas dificuldades. É preciso treinar a máquina para enxergar o boi e contar um por um. A primeira dificuldade é que ele se movimenta. A segunda, é que o drone precisa identificar o boi lá embaixo e saber que é um bovino, não é uma pedra ou, ainda, se tiver dois animais juntos, tem que conseguir contar dois e não apenas um. A máquina precisa aprender a analisar a imagem”, explica a pesquisadora Patrícia Menezes Santos, da Embrapa Pecuária Sudeste.

Para captar as imagens, é preciso entender o comportamento dos bovinos. Dessa forma, o plano de voo e as estratégias usadas para a captação precisam levar em consideração a rotina animal, o tipo de área da fazenda, o modelo de sistema de produção, entre outras especificidades da criação e da propriedade. A interação entre os especialistas dos dois centros de pesquisa da Embrapa vai contribuir para encontrar a melhor forma para ensinar a máquina nas avaliações.

Na fazenda Canchim, base física para os testes e captação de imagens, há vários modelos diferentes de produção, como animais nos sistemas integrados, em pastos extensivos, áreas intensivas e outras. De acordo com a pesquisadora da Embrapa, essa diversidade de condições vai ajudar a treinar a máquina. “O drone precisa de muita imagem com informações reais do que ocorre na fazenda. Tudo pode se transformar em obstáculo na hora da avaliação das imagens. Então, vamos ajudar como especialistas em produção animal”, explica Santos.

O desenvolvimento de soluções tecnológicas baseadas na aplicação de sistemas inteligentes e automatizadas às pastagens pode contribuir para moldar a pecuária do futuro, já que o processo de decisão nos sistemas de produção depende cada vez mais da análise e interpretação de dados e informações, de acordo com Patrícia. “A integração de informações sobre o clima, o solo, os animais e a pastagem cria oportunidades para o uso mais eficiente dos recursos naturais e dos fatores de produção”, afirma a pesquisadora.

Decisões sobre compra e venda de animais, uso de fertilizantes e de alimentação suplementar, além de outras práticas de manejo, podem ser orientadas a partir dessas informações, reduzindo o risco associado à atividade e aumentando a sustentabilidade dos sistemas de produção animal em pastagens. Com o avanço no campo da internet das coisas (IoT, na sigla em inglês), caracterizada pela conexão entre diversos dispositivos que coletam e transmitem dados de forma automática, abre-se a perspectiva para uma pecuária cada vez mais baseada em tecnologia digital.

 

FONTE: EMBRAPA INFORMÁTICA AGROPECUÁRIA

Etiquetas

Artigos relacionados

35 Comentários

  1. Tadalafil is likely to work for a minimum of 80 % of all clients, which makes it a very reputable medicine that any men can make use of, it is not most likely to trigger a lot of adverse effects, the most common ones being hassle, diarrhea, muscular tissue pain, sneezing, neck, upset stomach, warmth in your face, back discomfort, memory problems, stale nose, aching throat, redness and other ones that could be personal to every client. As for the drug obstruction, Best Tadalafil Tablets has been mentioned to connect with fairly a few drugs you may also be taking at the moment of will require to take soon. Inform your doctor of any sort of particular health care conditions you have, as they could possibly influence your therapy. Before you begin taking any brand-new medicines make certain your health treatment company learns about you taking Tadalafil. The negative side effects mentioned are thought about to be light and do not should be mentioned.

  2. You will certainly have to make certain you take tadalafil 2.5 mg online exactly as advised and stay away from making use of also much of this drug to avoid such overdose symptoms as breast pain, queasiness, uneven heart beat, really feeling light-headed, and fainting. You will certainly be delighted to locate out our comparison web page is open to everybody if you are interested in investing less money without missing out on out on the top quality. This list of medicines that might hamper Tadalafil is not complete and your physician or pharmacist could provide you with more info. Adverse effects of Tadalafil feature diarrhea, indigestion, back or muscular tissue pain, aching neck, stale nose, heat in your head neck or face. Tell your medical professional if you are using imatinib, antidepressants, heart or blood tension medicines, doxazosin, diclofenac, rifampin, isoniazid, seizure medications, antifungal medications, HIV/AIDS medication, conivaptan, or prescription antibiotics. If you are utilizing any one of the adhering to medicines make certain your health treatment supplier knows each one of them: troleandomycin, phenobarbital, clarithromycin, amiodarone, fluvoxamine, aprepitant, dexamethasone, saquinavir, carbamazepine, cimetidine, specific erectile disorder drugs, metronidazole, rifampin, ritonavir, fluoxetine, isoniazid, erythromycin, HIV protease preventions, danazol, alpha blockers, high blood stress, efavirenz, sertraline, rifabutin, and also specific antifungals, such as ketoconazole.

  3. There may be HIV or AIDS drugs, antifungals, nitrates for chest pain, alpha blockers, erythromycin and blood tension medicines, and you will certainly be expected to report those to your doctor to make certain no interactions regarding Tadalafil are possible. tadalafil comes as a tablet computer consisting of from 2.5 to 120 mg of Cialis, and each dose can be suitable for a person with a set of personal elements.

  4. Take Tadalafil as routed – typically on the when needed basis, regarding a complete glass of water, although you may be prescribed an unique form of Tadalafil that could be taken routinely. Generally, Tadalafil is taken into consideration a very secure therapy for impotence, as it enables having sex without getting addicted to the treatment. It’s crucial that you take generic tadalafil 2017 as suggested and never utilize it much more frequently compared to every 24 hrs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar